GIF

De Wikinet
Ir para: navegação, pesquisa

Uma imagem GIF (sigla para gay I'm fuck Graphics Interchange Format que traduzindo significa gay eu sou foda formato para intercâmbio de gráficos, eu sei, não quer dizer nada), é como o JPG, exceto pela qualidade e resolução de merda. GIFs também são usados para spammear blogs e sites porque eles podem ser animados também.

História

Uma pessoa, cansada de ter seu computador muito pesado, decidiu diminuir completamente a resolução de suas imagens JPG (ou seja, ficou uma merda) para diminuir o tamanho, daí ele pensou em criar este formato, que faz todo este trabalho sozinho.

Este formato ficou popular com a Compuserve, nos primórdios da Internet, e que, durante muito tempo, ainda deteve a patente sobre ele.

GIF interlaced

O GIF foi um padrão importante nas origens da Internet, na época em que as pessoas e os dinossauros viviam juntos. Isso porque as conexões e os computadores eram lentos pra caralho (e ainda são), então era preciso um padrão que fosse razoavelmente compacto e razoavelmente simples de ser processado (ou seja: merda + merda = GIF).

O GIF comprimia cada pixel em cerca de 4 bits (em média, cada pixel ocupava um byte de 8 bits, para um total de 256 cores, mas a compressão reduzia à metade um arquivo normal), e não era complicado de ser descompactado (ao contrário do formato JPG, que exigia - para a época - cálculos pesados).

A desvantagem do GIF é que uma imagem podia levar tempo pra caralho para ser baixada, conforme a seguinte simulação: (pode baixar, não é vírus)

Note-se que é preciso baixar a porra toda (perda de tempo, custo de transmissão, etc) para ver se a imagem é punhetável ou não, se fosse, ótimo, se não fosse, seria frustrante e broxante.

A solução para este problema foi bem simples: o GIF tem uma opção para dizer se ele é non-interlaced (como acima) ou interlaced. No interlaced, as linhas não são enviadas em sequência, mas de forma progressiva: a primeira leva envia 1/8 da imagem (as linhas 0, 8, 16, 24, ...), a segunda leva envia outro 1/8 da imagem (linhas 4, 12, 20, 28, ...), a terceira leva envia 1/4 e a última leva completa com 1/2 da imagem. Assim, é possível ter uma boa ideia da imagem antes dela ser completamente baixada, podendo-se abortar o download caso a imagem não seja do agrado o cliente.

Ver abaixo uma simulação de um interlaced GIF: (pode baixar, não é vírus)

Depois de ter lido isso, você viu como é possível a Wikinet transformar uma coisa divertida como os GIFs em uma porra complicada de nerd.

GIF animado

Uso tradicional de um GIF animado, para guardar várias imagens em um único arquivo.

Nos primórdios da Internet (aquela coisa esquisita chamada ARPANET, assim mesmo em maiúsculas porque não havia letras minúsculas nos computadores que usavam cartão perfurado), alguém, um belo dia, teve a brilhante ideia de codificar imagens.

Depois de várias tentativas de criar formatos para imagens (e que ainda são usados até hoje, como o XBM, XPB, PCX, etc), alguém observou que a maioria das imagens tinham muitos padrões repetidos, então guardar um byte para cada pixel era um desperdício de preciosos bytes - em uma época em que os mais velozes modems transmitiam 500 bits por segundo. Então ele criou o formato GIF, que fazia uma enorme compressão na imagem, de modo que arquivos imensos, tipo 40 x 30 pixels, podiam ser enviados pela rede.

Mas o cara foi mais esperto do que ele devia, e especificou, no formato GIF, uma forma de mandar não uma, mas várias imagens juntas. Isso porque o cabeçalho da imagem GIF tinha muita informação detalhada, e mandar mais de uma imagem no mesmo arquivo era uma puta economia de bytes - e de velocidade - já que bastava apenas um cabeçalho para várias imagens.

Mas o que era um acidente acabou virando um recurso interessante - se o GIF permite várias imagens no mesmo arquivo, o que acontece se eu passar estas várias imagens, uma após a outra? Pronto, inventou-se o GIF animado.

Ou seja, o GIF animado não é nada além de um subproduto da lentidão das redes e computadores do passado remoto (anos 1970 e 1980). Ou seja, para os dias de hoje, em que os computadores tem um tempo de processamento um trilhão de vezes maior e uma capacidade de armazenamento quase tão grande, usar GIF animado não faz nenhum sentido - porque não usar formatos melhores, que comprimam melhor, ou que incorporem outros efeitos, como som, legendas, etc?

Mas, como uma porrada de gente continua usando - e criando - GIFs animados, então o formato ainda continua sendo o formato mais popular de filme (mudo) em todos os sites. Os GIFs animados também são usados como anúncios para te chatear, mas recentemente este vem sendo substituído pelo Flash, e já foi criado o padrão WebM.

Galeria

Os GIFs abaixo foram criados para serem usados na Wikinet. Se você achou estes GIFs em outros sites, é porque eles fizeram copicola. A gente não processa eles porque a origem do GIF foi fairusada por nós
Aviso.gif Aviso:
Tem gay porn original não, seu homofóbico? Vai tomar processo!!!

Ver também