Jihad Watch

De Wikinet
Ir para: navegação, pesquisa

Jihad Watch, http://www.jihadwatch.org/, é o blog do alarmista e fanático islamofóbico Robert Spencer,[1] um judeu que merece levar um tiro na cabeça, porque ele, como todos outros judeus, mataram Jesus, João Batista, Zacarias e os apóstolos.[2][3] O site é hospedado pela islamofóbica David Horowitz Freedom Center, e é um blog tão fanático que até mesmo outros islamofóbicos acham o cara radical demais.[4]

Claro que um blog tão porra louca não poderia passar despercebido, então este site figura como o número um na categoria dos sites contra o Islã da Alexa.[5]

Como todo judeu, o que Robert Spencer mais gosta é ganhar dinheiro, então o site serve para vender seus livros recheados de fanatismo.[6] Para poder vender mais livros, e vender para cristãos, Robert Spencer se diz católico.[7]

Além disso, o blog mais parece um site de fofocas, só que, em vez de fofocar sobre celebridades, é um site de fofocas contra o Islã, tentando mostrar de forma negativa esta religião de paz, altruísmo e cooperação.[8]

O blog é radicalmente tudo que é lulz no Islã, coisas bem legais e que deveriam servir como modelo para outras religiões, como o espancamento de mulheres e a autorização para que seja realizado o estupro de vadias que se vestem com roupas provocantes, ou das próprias filhas.[9]

Como se não bastasse tanto absurdo, este judeu ainda resolve avacalhar com o que tem de mais sagrado no Islã, e tem uma seção no site dedicada a "analisar" (no sentido de anal) o Alcorão, o que é impossível, pois a única forma de ler o Alcorão é no original em língua árabe, e o que se tem em inglês é uma corrupção do original. É por causa disto que este judeu pode escrever blasfêmias como:[10]

O anjo deu um pega em Maomé e o encoxou, mas Maomé disse que não sabia ler. O anjo meteu com mais força ainda uma segunda vez, até que Maomé disse que não aguentava mais. Então o anjo tirou e perguntou se ele sabia ler. Maomé disse que não sabia, e o anjo o pegou de jeito pela terceira vez, e depois que o pano estava sujo com as secreções corporais, mandou ele ler. (...) Maomé ficou tão deprimido que quis se matar. (...) Maomé então voltou para sua esposa, e pediu para ela arrumar roupas para ele. (...)

—Robert Spencer

Bem, espero sinceramente que este judeu desista deste blog, e que resolva incluir fotos de mulher pelada, transformando o blog em um blog de punheteiro. Assim ele continuaria fazendo algo agressivo ao Islã, mas não teria mais risco de levar um tiro na cabeça.

Ver também

Referências