Otaku

De Wikinet
Ir para: navegação, pesquisa
Como um otaku se relaciona com mulheres 3D.

Otaku é um termo que pode referir-se a:

  • no Japão: alguém que se dedica demais a um hobby;
  • no Brasil e resto do mundo: uma criatura viciada em anime e doente pela cultura japonesa.

Este termo é muito usado para se referir a qualquer pessoa que goste de anime, independente do grau, sendo que muitas vezes é usado como ofensa. Mesmo assim, há muitos otakus assumidos que se orgulham de o serem e não veem problema nenhum nisso, só que eles são idiotas porque a origem do termo é pejorativa,[1] é como os bazingueiros que têm orgulho de serem nerds (só que otaku é bem pior que nerd).

Otakus geralmente são virgens que não pegam nada que não seja um desenho animado na tela de um computador (mas fazem questão de ficar chorando no Facebook que ninguém gosta deles, sendo que não fazem outra coisa a não ser assistir anime ou ler mangás).[2] Poderíamos dizer que eles pegam travesseiros (dakimakura) e action figures (gozam nelas), mas no caso de otakus brasileiros, eles nem podem pagar para ter essas coisas, e tudo o que fazem é se masturbar para hentai.

Otaku e weeaboo são praticamente a mesma merda, mas no Brasil, o termo otaku é muito mais comum.

Descrição[editar]

Otaku em encontro com sua esposa.
Otakus do Brasil fazendo cosplay de Naruto.

A diferença entre um otaku e um babaca viciado em televisão é que enquanto o segundo sabe o nome de todos os personagens da última novela da Globo (e já se esqueceu da novela anterior), um otaku se lembra de todos os personagens de todos os animes que já existiram.

O otaku é um cara que não baixa pornografia: ele baixa hentai. Se você mostra para um otaku uma imagem de um anime com uma gostosa pagando peitinho e diz que é hentai, ele vai responder que não é, que é ecchi, e que são duas coisas diferentes.

Se você tenta falar com um otaku sobre algum problema que aconteceu com você, ele vai logo citar o protagonista de algum anime obscuro que passou pelo mesmo problema, mas de forma exagerada e doentia.

Otaku e weeaboo[editar]

Otaku é como se fosse a versão brasileira do termo weeaboo, que é pouco usado pelas massas da Internet brasileira. Apesar de afirmarem serem dois termos distintos,[3] no contexto brasileiro, pode ser considerado tudo a mesma merda.

Otaku é uma palavra que veio direto do Japão, então, parece fazer mais sentido usá-la, enquanto que weeaboo é baseado em duas palavras em inglês: wannabe + japanese. É mais comum o uso de weeaboo em chans, enquanto que em qualquer outro lugar usa-se mais otaku. É mais recomendado o uso de weeaboo para ofender os animefags, pois eles são tão idiotas que podem confundir otaku com elogio.

Em alguns casos, um animefag pode se ofender mais com o termo otaku do que weeaboo, porque enquanto weeaboo pode se referir a virgens falhos que têm orgulho de serem virgens falhos que só ficam em casa assistindo anime, otaku poderia colocar eles no mesmo âmbito de animefags casuais meio descolados que vão em eventos de anime para beber cerveja com os amigos e só conhecem animes como Naruto, Dragon Ball Z, Sword Art Online e outras merdas.

Graus de otakus[editar]

É mais compreensível que negros queiram ser japoneses, afinal, quem iria querer ser negro?
Otaku normal (animefag)
Ele gosta de anime, mangás e da cultura japonesa, só que não ao ponto de fazer cosplay, mas finge que gosta para poder fazer amizades com otakus mais fanáticos. Ele diz não ter dinheiro para comprar fantasias como desculpa para não praticar cosplay, sendo que otakus que não têm dinheiro para cosplay utilizam sacos de lixo e um monte de outras porcarias improvisadas para imitar o seu herói.
Otaku fanático (weeaboo)
Este otaku gosta de todos os animes que existem, simplesmente por serem animes. Eles imitam seus personagens favoritos em qualquer lugar, colocam como nicks imagens de personagens de anime e adoram fazer cosplay e ir em eventos de anime, lá eles se sentem em casa. Os otakus avançados vivem em um mundo mágico de anime em que tudo é como nos anime, e eles acham que vão tornar este mundo real se mudando para o Japão, sendo que se mudando para lá o máximo que eles vão conseguir é morrer em um terremoto. Estes otakus também odeiam o Brasil, acham que tudo no Brasil é uma merda e sempre preferem anime legendado, não porque a dublagem em português fica ruim, mas é que para eles, tudo o que é feito no Japão é melhor, e como a dublagem é feita no Brasil, para eles, fica uma bosta. Por este motivo, otakus também odeiam o SBT.
Otaku enrustido
Este aqui gosta de anime, mangás e cultura japonesa, mas sabe o quão retardados são os otakus (provavelmente por conhecer um) e para não ser igualmente retardado, eles não se assumem otakus, e fingem que não estão nem aí para anime e para o Japão. Provavelmente, é o mais correto entre os tipos de otakus, pois somente um retardado admite ser um otaku que, como já foi dito, é um termo com significado pejorativo.
Otaku punheteiro
Otaku que só assiste desenhos chineses por causa de ecchi e hentai. Provavelmente compreende 90% dos weeaboos, só que alguns admitem, enquanto que outros falam que assistem anime por causa da história, personagens, etc, pois seria estranho se eles confessassem que fapam para colegiais que têm cara de lolis.
Otaku de verdade
Não quer saber de cosplay, não liga para falar em japonês nem nada, simplesmente faz o que um otaku faz, que é se trancar em seu porão e ver anime. Ele é conhecedor do assunto, gosta da cultura japonesa e lê mangás sem necessidade de ficar falando baka ou kawaii (que até muitos dos weeaboos falam errado até, a sílaba tônica no final) ou se vestir como um personagem de anime. Ele gosta de pesquisar sobre coisas referentes a anime e a maioria admira muito Osamu Tezuka (que a maioria dos weeaboos nem sabe quem é).

Como trollar otakus[editar]

Até o suporte de empresas trollam otakus.

Se você odeia esta raça tanto quanto os evangélicos odeiam, aprenda a trollar eles:

  • chame eles de otaco;
  • diga que anime é coisa do Diabo, esse é um tópico frequente quando normalfags falam sobre anime;
  • se ele contradizer, mande links que dizem isso com provas, há vários blogs e vídeos de pastores relacionando às duas coisas;
  • se ele contradizer de novo, invente uma história de um amigo seu que envolva anime e o Diabo;
  • diga que, para você, anime e desenho animado é a mesma merda, logo, é tudo coisa de criança (o que faz sentido pois a maioria dos weeaboos são underages);
  • diga que anime é coisa de viado (e isso é verdade);
  • mande links com hentai gay dos personagens preferidos do otaku melhor não, é provável que ele goste;
  • se o otaku estiver usando avatar de anime (e ele muito provavelmente vai estar), diga que a opinião dele não é válida por causa disso;
  • diga que você já assistiu anime, e afirme que achou uma bosta;
  • quando o otaku falar que o Japão é um país melhor que o Brasil, aponte tudo de ruim que tem no Japão, como a alta taxa de suicídios, os desastres naturais, a pressão social exagerada e o fato de que boa parte dos japoneses são pedófilos que se masturbam para lolicon;
  • diga que hentai é coisa de virgem retardado que não gosta de mulher de verdade.

Vídeos[editar]


O dia na vida de um otaku.

Mesmo otaku de antes. Quando você achava que não podia ficar mais retardado...

Vídeo Anterior  |  Próximo Vídeo

Ver também[editar]

Referências


Azumanga osaka fgsfds.jpg
Tópicos relacionados a anime e o Japão

Anime e mangá Japão Gêneros Sites Outros

Ecchi Guro Hentai Lolicon Yuri
ver fechar