Vanilla

De Wikinet
Ir para: navegação, pesquisa

Vanilla, em pornografia, se refere à representação artística, através de filmes ou fotografias, de cenas de sexo convencional em que uma, e apenas uma, mulher tem relações sexuais vaginais (eventualmente incluindo orais) com um, e apenas um, homem.[1]

Sendo curto e grosso, Vanilla é uma merda.

Obviamente, um conservador acha que Vanilla é uma merda, porque eles acham imoral e nojento até mesmo mostrar mulheres amamentando.

Mas fodam-se estes sociopatas, que eles chafurdem na lama do Cancro onde ficam seus miguxos.

A posição do Cowboy invertido é uma das preferidas em Vanilla porque a depósito esconde quase todo o pirocudo (menos, obviamente, a piroca)

Para uma pessoa normal, ou seja, um homem que tem vida sexual ativa e visita regularmente sites de putaria, Vanilla é muito sem graça.

O que é bastante óbvio. Pornografia é arte, e o objetivo da arte é excitar um dos órgãos mais importantes do consumidor de arte - seu cérebro. Então, a arte deve sempre procurar representar algo que seja surpreendente, inusitado, excitante, estimulante ou mesmo extremamente ofensivo.

E o que tem em Vanilla? Temos uma depósito de porra que, na maioria dos casos, é feia pra caralho, como uma puta americana siliconada. Ou temos uma gatinha deliciosa, que o apreciador da arte gostaria de comer.

Só que ele não está comendo ela. Quem está comendo, e fazendo isto de forma mecânica e programada, é outro pirocudo.

Ou seja, o que tem isto de surpreendente ou inusitado? Nada, porque o cara faz isto todo dia com sua pitanga ou esposa. Excitante ou estimulante? Ver outro cara comer a mulher que você quer comer? Extremamente ofensivo? Só se o cara for psicopata, mas já mencionamos este caso quando falamos dos conservadores.

Então, o que acontece na maioria das vezes é que uma pornstar que resolve fazer um upgrade [2] da pornografia lésbica para a pornografia heterossexual acaba recebendo, dos seus fãs, vários pedidos para fazer threesome ou anal, já que ver ela levando pau de outro cara na buceta não tem a menor graça.

Mas é óbvio que Vanilla ainda tem seus fãs, dentre os quais estão adolescentes punheteiros virgens, que tentam ver se aprendem como comer uma mulher, [3] e homens bissexuais enrustidos, que fingem para si mesmos que gostam de ver Vanilla para ver uma depósito sendo comida, mas no fundo gostam porque se imaginam entrando na cena, comendo a atriz e levando o pau do ator no seu cu.

Ver também[editar]

Referências

  1. Porra, isto parece até definição da Wikipédia em português.
  2. Segundo boa parte dos consumidores de pornografia, este é na verdade um downgrade, porque a atriz perde parte do seu charme: o cara sempre imagina que ela é lésbica não por opção, mas porque não encontrou o cara certo para comê-la - e, como diz o Roberto Carlos, "este cara sou eu".
  3. Dica da Wikinet: se quer aprender, vendo pornografia, como fazer uma mulher gozar, não veja Vanilla, veja pornografia lésbica. Se uma depósito sem pau consegue fazer outra gozar, imagina o que um pau a mais pode dar de vantagem.


Vanilla faz parte da grande série temática da Wikinet sobre putaria
(ver)